Orquídeas

Flor do dia: Orquídeas

orquidea

As Orquídeas são flores que podem significar amor, autoridade, poder, desejo e sedução. É uma planta que apresenta uma bela flor e que tem muitas variedades e que estão em todos continentes, menos na Antártida.

As Orquídeas preferem climas tropicais e muitas vezes crescem com a ajuda de árvores, pois, se apoiam nelas ficando mais expostas ao sol.

A Orquídea deriva da palavra grega órkhis que significa “em forma de testículos”. Esta denominação foi atribuída por Theophrastus, filósofo grego que verificou a semelhança das raízes de algumas orquídeas com testículos humanos. Por isso, na Idade Média acreditava-se que as orquídeas possuíam características afrodisíacas. Assim, os gregos acreditavam que a orquídea era um símbolo de virilidade. Na Grécia Antiga, se uma jovem se apresentava com orquídeas enfeitando a sua cabeça, isso significava que estava procurando o seu par ideal. Se o mesmo acontecia com uma mulher mais velha, na maioria das vezes isso era um sinal de ostentação, uma demonstração da sua riqueza e luxo em que vivia.

Significado das cores:

  • Orquídea Rosa ou Lilás: Flor da sedução, ideal para conquistar seu interesse amoroso;
  • Orquídea Vermelha: Significa desejo sexual;
  • Orquídea Branca: Amor puro (bastante comum nos bouquets de noivas);
  • Orquídea Amarela: Amor erótico;
  • Orquídea Negra: símbolo de poder e autoridade absoluta, um sinal de algo pertencente à elite.

Orquídea na medicina

Relatos antigos descrevem crenças a respeito de propriedades medicinais e místicas das orquídeas. Para ter poder e vigor, os Astecas ingeriam uma mistura de orquídeas com chocolate. Na China, pessoas comiam as flores pois acreditavam que estas poderiam curar doenças respiratórias.

Acesse o nosso site através do link: www.latinflores.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>